Pesquisar
    

BLOG

Benefícios do controle de umidade na indústria láctea

A umidade é uma grande inimiga da indústria de alimentos em geral, incluindo a indústria láctea, também conhecida como indústria de laticínios. 

Presentes na alimentação de milhares de brasileiros, para que os laticínios cheguem aos supermercados e à mesa dos consumidores, é imprescindível manter o controle de umidade durante a produção e armazenagem dos produtos.

Já que a falta desse controle pode acarretar diversos prejuízos para a empresa e comprometer a qualidade de bebidas e alimentos derivados do leite.

Por isso, preparamos este conteúdo, onde iremos mostrar quais os benefícios do controle de umidade para a indústria láctea e como é possível garantir a qualidade dos produtos. Confira! 

Quais problemas a umidade pode gerar? 

Quando falamos em indústria láctea, estamos incluindo o processamento de leites, produção de iogurtes e demais derivados, como os queijos. 

O controle de umidade é essencial para garantir a qualidade e segurança de cada tipo de produto, haja vista que a contaminação do leite por microrganismos indesejados pode ocorrer em diferentes etapas da cadeia produtiva: desde sua obtenção, até seu transporte, processamento, embalagem e armazenamento. 

Pode parecer contraditório que a umidade represente um risco para produtos líquidos ou com grande concentração de água em sua propriedade. 

Contudo, as micro gotículas presentes no ar podem umedecer, por exemplo, embalagens de armazenamento dos produtos, comprometendo sua estrutura ou, o mais grave, tornando-se um local favorável para o surgimento de microrganismos, como bactérias e fungos, que colocam em risco a qualidade do produto.

Isso acontece porque, de modo geral, os produtos lácteos são muito susceptíveis à deterioração bacteriana. 

Sendo assim o controle de umidade se torna essencial para evitar prejuízos e se adequar às exigências e necessidades do mercado. Garantindo a qualidade dos produtos e minimizando a multiplicação microbiana, responsável por reações e deterioração nos produtos lácteos.

Benefícios do controle de umidade na Indústria Láctea

O controle da umidade é essencial para evitar a proliferação de microrganismos indesejados em ambientes fabris, evitando assim o risco de contaminação do produto.

Além disso, existem inúmeros  benefícios em se realizar esse controle. E entre eles estão: 

  • Melhora a conservação de ingredientes em pó ou desidratados utilizados no processo de produção de alguns alimentos;
  • Evita o desperdício de insumos, sejam estes matéria-prima para produção ou produtos já processados em armazenamento;
  • Preserva as propriedade físico-químicas dos alimentos, mantendo a cor, textura, aroma e gosto característicos de cada produto;
  • Mantém a estrutura das embalagens, evitando que estas percam a resistência ou dificultando a colagem de rótulos;
  • Assegura um ambiente livre de microrganismos que coloquem em risco a qualidade do produto e, consequentemente, a saúde dos consumidores;
  • Impede o empedramento de produtos lácteos desidratados, tais como leite em pó e derivados do soro em pó;
  • Garante um maior controle de qualidade e atendimento às normas sanitárias;
  • Impede que ocorra a oxidação de equipamentos ou entupimento de saídas de ar em câmaras frias.
  • Previne o empedramento de ingredientes em pó na sala de estocagem de insumos e matérias-primas;
  • Impossibilita focos de contaminação devido à condensação de ambientes que geram vapor;
  • Evita a proliferação de bactérias e fungos indesejados em câmaras de maturação de queijos duros e semiduros.

Como realizar o controle de umidade?

Os ambientes fabris ou de processamento da indústria láctea exigem um controle rigoroso para evitar a proliferação de bactérias e minimizar problemas relacionados à reclamação de clientes e devolução de produtos.

E a melhor maneira para solucionar esses problemas é com a utilização de um desumidificador de ar industrial, sendo possível controlar e programar o equipamento para manter o nível de umidade de acordo com o recomendado para o processamento de cada tipo de produto.

Como por exemplo, na maturação de queijos onde é ideal manter a umidade relativa (UR) do ar entre 75% e 95%, mas esse nível precisa ser muito menor no caso de leite em pó, algo em torno de 5%.

Esse controle de umidade é fundamental em toda cadeia produtiva, não só na fabricação, mas também no  armazenamento e, até mesmo, no transporte de alguns tipos de derivados.

Bry-Air: a solução definitiva para o controle de umidade 

Sempre pensando em soluções realmente efetivas para empresários do ramo alimentício, a Bry- Air possui uma linha de desumidificadores de ar industriais de vazão média, a série FLI.

Essa linha de desumidificadores possui modelos que atendem a espaços de diferentes metragens oferecendo controle da umidade com altos padrões de consistência, confiabilidade e ecologia, removendo a umidade do ar continuamente e suprindo as necessidades de tratamento de ar.

A Bry-Air é líder mundial em controle de umidade há quase 60 anos e conta em seu portfólio soluções ideais para os problemas de umidade na indústria láctea. 

Entre em contato com um de nossos especialistas, clicando aqui para que possamos auxiliar na identificação do equipamento ideal para o seu negócio. 

Nós usamos cookies para personalizar anúncios, melhorar sua experiência no site, desempenho e segurança. Para saber mais acesse nossa Política de Privacidade.